Rio Grande do Norte trabalha para criação do Geoparque de Seridó

O Governo do Rio Grande do Norte está trabalhando para implantar na região do Seridó o segundo geoparque do Brasil e o terceiro da América do Sul. O geoparque mais antigo funciona em Araripe, no Ceará, e recentemente o Uruguai regularizou um. O conceito, que é de um parque delimitado pela riqueza geológica, já está espalhado em 32 países e desencadeia interesse crescente em muitos outros, por trabalhar o desenvolvimento econômico sustentável.

“A criação do geoparque do Seridó será um passo importante para a interiorização do turismo, e dar a devida valorização às riquezas geológicas e arqueológicas que temos no Rio Grande do Norte. Nosso governo está seguindo todas os orientações técnicas para viabilizar este parque.”, afirma o governador Robinson Faria, que determinou à Secretaria Estadual de Turismo que trabalhe na viabilização do projeto.

O projeto está adiantado e conta com total apoio do Governo do Estado, através da Secretaria de Estado do Turismo. E nesta quinta-feira (3), em parceria com a Procuradoria Geral do Estado e a UFRN (Universidade Federal do Rio Grande do Norte), será promovido o workshop Projeto Geoparque Seridó: realidades e desafios, no Centro de Convenções, das 9h às 12h e das 14h às 17h. O evento tem como objetivo apresentar o projeto Geoparque Seridó, trocar experiências com Parques já implantados (nacional e internacionalmente) e discutir sua implementação no Estado.

Sobre geoparques

Os geoparques espalhados no mundo estão agrupados na Rede Global de Geoparques, criada em 2004 pela Unesco. Atualmente, esta Rede conta 111 parques do tipo, sendo maioria na Europa.

FONTE: MERCADO & EVENTOS / Jane Barreto

http://www.mercadoeeventos.com.br/site/noticias/view/121126/rio-grande-do-norte-trabalha-para-criacao-do-geoparque-de-serido

10 PRAIAS PARADISÍACAS E EXCLUSIVAS PARA SUA PRÓXIMA VIAGEM

playa del carmen

10 PRAIAS PARADISÍACAS E EXCLUSIVAS PARA SUA PRÓXIMA VIAGEM

1 de setembro de 2015

A paisagem é sempre um atrativo especial quando estamos pensando no destino da próxima viagem. Quem nunca sonhou em relaxar em um paraíso tropical? Pensando nisso, listamos 10 praias paradisíacas que você precisa conhecer. Pronto para aumentar a listinha de sonhos em vida? Confira:

Kamalame Cay, BahamasIlhota

Ilha particular a 15 minutos de voo de Nassau, capital das Bahamas, a Kamalame Cay é um santuário natural isolado, coberto de palmeiras e cercado por águas cristalinas. O resort de Kamalame Cay, único da ilha, proporciona luxo e conforto a seus hóspedes em um cenário paradisíaco.

Rosalie Bay, Domínica Rosalie Bay, Domínica

Situada na pequena ilha caribenha da Domínica, a praia de Rosalie Bay oferece tranquilidade e natureza a 45 minutos de Roseau, capital do país. O Rosalie Bay Resort tem 28 suítes com vista para as montanhas e para o oceano em meio aos coqueirais.

Playa del Carmen, México Playa del Carmen, México

Playa del Carmen, localizado nas proximidades de Cancun, é um dos mais belos cartões-postais do Caribe mexicano.  Areias brancas, águas turquesa ideais para relaxar sob o sol e resorts de luxo como o Banyan Tree Mayakoba fazem deste um destino muito especial que encanta os turistas.

Peter Island, Ilhas Virgens Britânicas Peter Island, Ilhas Virgens Britânicas

Parte das Ilhas Virgens Britânicas, Peter Island é uma ilha particular com cinco praias paradisíacas preservadas e exclusivas. O resort de Peter Island conta com vilas e suítes de luxo que ajudam a fazer da estadia uma experiência inesquecível para seus hóspedes.

Curaçao, Antilhas holandesas curacao_about_2

Ilha das Antilhas holandesas ao largo da Venezuela, Curaçao é um destino ideal para aproveitar as belas praias do Caribe e uma divertida vida noturna. A ilha conta com uma vasta oferta hoteleira, com resorts de luxo como o Hotel Kura Hulanda Spa & Casino, com  80 quartos elegantemente decorados.

Costa Alegre, México Costa Alegre, México

Situada ao sul de Puerto Vallarta, a região de Costa Alegre é um dos destinos mais preservados do litoral pacífico mexicano. Costa Alegre tem resorts em praias desertas como o El Tamarindo, com mais de 3 km de extensão de areias brancas para seus hóspedes.

Sandy Cay, Ilhas Virgens BritânicasSandy Cay, Ilhas Virgens Britânicas

Destino paradisíaco das Ilhas Virgens Britânicas, a ilha de Sandy Cay é ideal para mergulhar em suas águas protegidas por uma barreira de coral. A ilha é desabitada e não tem infraestrutura, mas existem excursões que levam turistas para conhecer suas maravilhas naturais saindo desde a ilha de Tortola, a principal do arquipélago.

West Snake Caye, Belize West Snake Caye, Belize

A menos de 30 km da cidade de Punta Gorda, no litoral do Belize, um grupo de quatro ilhas conhecidas como os Snake Cayes encontram-se protegidas dentro de uma reserva marinha com uma vegetação abundante e uma rica fauna marinha. A mais bela delas é a de West Snake Caye,  incrível ilha deserta e preservada.

Gold Coast, Barbados Gold Coast, Barbados

A ilha de Barbados é um dos destinos mais exclusivos do Caribe, com praias paradisíacas e vilas e resorts de luxo. O trecho do litoral conhecido como Gold Coast tem areias brancas e águas calmas, com opções de hospedagem de luxo como o Sandy Lane resort, com vilas, penthouses e suítes confortáveis e espaçosos frente ao mar.

Shoal Bay East, AnguilaShoal Bay East, Anguila

O arquipélago caribenho de Anguila reúne belas paisagens com praias de areia branca e muito solo ano inteiro. A praia de Shoal Bay East se destaca por sua beleza e suas águas calmas e protegidas. O Shoal Bay Villas tem apartamentos equipados e confortáveis para uma estadia tranquila com um ótimo serviço.

FONTE: QUAL VIAGEM / Cláudio Lacerda Oliva

http://www.qualviagem.com.br/10-praias-paradisiacas-e-exclusivas-para-sua-proxima-viagem/

Seguros para viagens ganha novas regras

Especialista explica o que muda com nova legislação
1

A partir de 25 de setembro, o produto Assistência Viagem passará a contar com nova regulamentação, tornando-se um seguro. De acordo com a normativa lançada pela Superintendência de Seguros Privados (Susep), as regras serão comuns a todas as seguradoras brasileiras.  Sandro Barbosa, superintendente de Distribuição da Mapfre Assistance, explica o que muda nas coberturas e na comercialização dos produtos.

Coberturas – Em viagens internacionais, os planos de seguro devem obrigatoriamente cobrir Despesas Médica Hospitalares e Odontológicas, Traslado de Corpo, Traslado Médico e Regresso Sanitário que garante o retorno do segurado ao local de origem da viagem ou de seu domicílio, caso este não se encontre em condições de retornar como passageiro regular por motivos médicos causados por eventos cobertos pelo seguro. Nas viagens nacionais, essa cobertura será opcional.

As coberturas de Despesas Médicas Hospitalares e Odontológicas em viagem internacional ou nacional deverão, obrigatoriamente, abranger episódios de crise ocasionados por doença preexistente ou crônica. Tais coberturas deverão ser aplicadas quando os casos gerarem quadro clínico de emergência ou urgência até o limite do capital segurado, além das despesas relacionadas, até que o viajante esteja em condições de seguir o trajeto inicialmente previsto ou de retornar à sua residência.

Outra mudança importante é que, em caso de impossibilidade do retorno do segurado por evento coberto o prazo de vigência das coberturas se estenderá, automaticamente, até o retorno do segurado ao local de domicílio ou origem da viagem.

“Com as novas regras estabelecidas, teremos produtos mais completos, garantindo maior tranquilidade para os consumidores que contratarem o seguro de viagem”, afirma Sandro Barbosa.

Comercialização – A partir de 25 de setembro, as ofertas de seguros de viagem deverão ser feitas somente por corretores ou por representantes de seguros, que serão as pessoas jurídicas que assumirão a obrigação de promover a venda do seguro e em nome da sociedade seguradora. As agências e operadoras de turismo deverão se tornar representantes para continuar a vender o produto.

“Com essas mudanças, os viajantes poderão contar com serviços cada vez mais completos para desfrutar ao máximo suas viagens a lazer, trabalho ou estudo. Além disso, a nossa empresa que é reconhecida por seus serviços de qualidade, terá a oportunidade de oferecer produtos ainda mais completos para um público que é cada vez mais exigente”, diz o superintendente.

FONTE: MERCADO E EVENTOS / Rafael Massadar

Reserva Biológica Huilo Huilo, no Chile, chama atenção pela culinária exótica

Não faltam motivos para a Reserva Biológica Huilo Huilo, no Chile (860km ao sul de Santiago), ser considerada um lugar único no mapa. Não bastassem os hotéis exóticos, os passeios por trilhas com as vistas mais deslumbrantes, o spa com dezenas de tratamentos e toda a magia do local, os restaurantes da Reserva também aparecem como um grande atrativo para quem deseja provar a alta gastronomia dessa região da Patagônia chilena.

Sob comando de Miguel Catricheo, jovem chef mapuche (povo nativo da região), a reserva tem como proposta gastronômica mostrar a essência da natureza e da cultura da região. Assim, as receitas e os ingredientes utilizados no preparo dos pratos são, em sua grande maioria, advindos da própria localidade.

A reserva conta com três restaurantes. O Nothofagus, com vista para os bosques que cerceiam o Nothofagus Hotel & Spa, construído ao redor de uma árvore, apresenta no cardápio produtos típicos da região, como a murta, mirtilos, nozes e castanhas. É uma cozinha onde ingredientes frescos estão relacionados com o meio ambiente e contêm a magia do lugar. Tem uma gama variada de pratos, incluindo frutos do mar, carnes e massas, com uma variedade de alimentos da região. Um dos pratos principais servidos no restaurante é um peito de frango recheado com Chupe de Caranguejo, que é um delicioso e tradicional ensopado da culinária chilena, servido com geleia de cebolas e avelãs com alecrim acompanhados por legumes.

Já o restaurante Club House Nawel, localizado nas dependências do Hotel Nawelpi Lodge, da categoria hotéis de luxo, oferece gastronomia altamente sustentável. Com ingredientes oriundos da própria Patagônia chilena, os pratos do cardápio vêm de caça autorizada e de coleta de produtos nobres da redondeza. São servidas iguarias como carne de veado, javali, pato e coelho. Os vegetais também são provenientes do local, assim como os cogumelos, frutos e sementes selvagens. Com uma forma muito artesanal de produzir seus pratos, o chef dá um leve toque “mapuche” aos alimentos. Um dos pratos principais é uma truta servida com alcachofras refogadas, tomates assados e cogumelos desidratados.

O terceiro restaurante, o Mesón del Jabali, está situado dentro do Hotel Montaña Mágica Lodge, que imita o formato de um vulcão. Aberto somente na alta temporada e com uma gastronomia bastante sofisticada, o espaço mistura ingredientes locais em seus pratos. Devido ao design do hotel, o espaço dispõe de um limite máximo para 45 pessoas. Um dos pratos que fazem sucesso é a carne de porco defumada servida com purê picante ao merkén, que é um tradicional tempero da culinária chilena, um tipo de pimenta em pó.

Para os apreciadores de cerveja, a 200 metros da entrada principal da recepção dos hotéis da reserva, a Cervejaria Petermann oferece aos hóspedes a oportunidade de realizar um tour e degustar alguns rótulos diferentes produzidos ali, acompanhados por pratos leves como sanduíches e pizzas. Com uma produção média de 13 mil litros da bebida por mês, as cervejas Petermann seguem a escola alemã de produção. Além das tábuas de queijos e presuntos artesanais, entre as pizzas servidas na Cervejaria está a de queijo com champignon e presunto de cervo, uma das mais adoradas pelos hóspedes.

Fonte: B4T assessoria